Por ser casado e ter jurado fidelidade aos catalães, Rajoy vai acusar Puigdemont de poligamia

loading...

A partir de Bruxelas Carles Puigdemont vai ser acusado de poligamia pelo Governo espanhol, devido ao facto de já ser casado e ter jurado fidelidade a todas as mulheres catalãs.

Segundo um artigo do Código Civil espanhol, nenhum homem pode jurar fidelidade a mais do que uma mulher ao mesmo tempo.

Não é crime na forma consumada porque, que se saiba, não chegou a deitar-se com nenhuma das mulheres a quem jurou fidelidade enquanto fosse vivo. Todavia, incorre numa pena de meia dúzia de anos de cadeia, caso o acusem de assédio sexual a mais de 3 milhões de mulheres, além do que, quando algum produtor achasse conveniente, nenhuma atriz em Hollywood aceitaria entrar num filme baseado na sua luta pela independência do território, que é a sua história de vida.

 

loading...