Pontes e Feriados para compensar o adiamento das 35 horas

loading...

Numa medida inédita e destinada a compensar o adiamento da reposição das 35 horas aos trabalhadores da função Pública, o Governo de António Costa vai deixar os portugueses gozarem mais pontes e criar feriados que distribuirá ao longo do ano. Será lançado um concurso público de ideias a nível nacional e às melhores 3 ideias atribuirá um prémio que consiste em vouchers para poderem assistir ao vivo e participar no próximo congresso do PS em que haja eleições primárias e o atual secretário-geral concorra para ser reeleito na liderança.

Para já, apenas conhecemos algumas sugestões de feriado vindas dos seus ministros que terão agradado sobremaneira a Costa: 28/2 – Dia internacional do engolidor de espadas; 10/3 – Dia mundial do rim; 21/5 – Dia mundial do Whisky; 25/10 – Dia mundial das massas.

Sabe-se que outro dia será escolhido em novembro, mas a escolha não deverá recair naquele em que tomou posse como Primeiro-ministro, pois naquelas pessoas que discordam da forma como foi indigitado, isso poderia gerar desconforto. Em sinal de protesto poderiam continuar a querer ir trabalhar nesse dia e faltar ao trabalho quando o seu patrão não estivesse a contar.

loading...
, ,