Passos Coelho forma nova coligação à direita

loading...

Para concorrer em congresso à renovação do cargo de presidente social-democrata, o antigo Primeiro-ministro Passos Coelho vai formar uma nova coligação à direita, mas desta vez dentro do Partido com a ala dos elementos mais moderado que não defendiam a aplicação de medidas ainda mais austeras do que as impostas pela Troika para combater o défice das contas públicas. Esta aliança, visa precaver-se contra uma eventual coligação à posteriori entre os seus adversários que à semelhança do que sucedeu em outubro o possa impedir de ser empossado.

Um dos militantes a quem ele gostaria de ver o seu nome associado, é o popular comentador da SIC Luís Marques Mendes, que sem a concorrência direta de Marcelo Rebelo de Sousa amealhou a maior parte das audiências da TVI ao domingo. Para muitos, o agora Presidente da República pode nele não ter deixado um herdeiro, mas a verdade é que com tantos pontos de vista em comum pode mesmo dizer-se que são igualzinhos, do género tal-pai-tal-filho.

loading...
, ,