Inspetores da ASAE reabrem restaurante depois da visita à cantina de uma escola

loading...

Depois da visita ao refeitório onde serviram lulas congeladas no interior de uma embalagem da Pescanova, o grupo de inspetores da ASAE decidiu por bem reavaliar a situação de um restaurante, onde o óleo de fritar as batatas não era mudado há 6 meses e reabri-lo ao público.

“Não havia motivos para não continuar aberto, se na escola onde fomos aquilo funciona muito pior.” – Disse o inspetor-chefe, congratulando-se por evitar a perda de 4 postos de trabalho, um Chef, uma auxiliar e dois empregados de mesa.

 

loading...