Depois de evocar Napoleão, Abel Ferreira cita Jorge Jesus para culpar o vento pela derrota em Marselha

loading...

Após citar o famoso general Napoleão Bonaparte na antecâmara de preparação do jogo de Marselha, Abel Ferreira o treinador do Sp. Braga citou o não menos famoso coacher leonino, Jorge Jesus, não temendo ser chamado a pagar direitos de autor, para repetir uma das frases mais célebres dos últimos tempos: “perdi mas os senhores viram que a culpa foi do vento.”.

Porém, confrontado com o facto de à hora da realização da partida, não haver o menor sinal de vento, Abel Ferreira inspirou-se no técnico do Vit. Guimarães Pedro Mendes que ao perder ante o Boavista se queixou da arbitragem, para citar que “a culpa foi do videoárbitro”.

Mas lá lhe disseram depois que diante do Marselha não houve VAR, e então Abel Ferreira lembrou-se de citar Silas treinador do Belenenses, perdedor diante do Aves, para dizer que “perdeu porque os golos foram todos oferecidos pela sua equipa.”.

E só quando percebeu que nenhum golo fora afinal mal consentido pelos seus defesas, é que teve de se conformar e citar o treinador do Desp. Chaves, que admitiu no final da partida diante do FC Porto, que só não venceu porque “teve pela frente um adversário mais forte.”.

Se citasse o repórter PH, o treinador bracarense simplesmente diria que perdeu porque o adversário marcou um golo e a sua equipa não e ponto final … aliás, fim de citação.

loading...